Imagine Belieber

22 agosto 2012

Forever - 46º Capítulo



' Dentro do seu olho tem um mundo que eu ainda não conheço bem, tento chegar perto vc sempreSai de perto de mim também, temos s mesmos sonhos, mas não somos iguais, Cada um tem o seu lugar...' - Nx Zero (Em Comum)
Justin: Terminei com Drina há muito tempo, mas ela ainda tem o péssimo costume de reaparecer. E a noite no St. Regis? Quando você nos viu juntos? Eu estava tentando convencê-la a seguir com sua vida, de uma vez por todas. Embora não fiz um bom trabalho. E sim, eu sei que ela matou a Stefani, porque naquele dia, na praia quando você acordou sozinha?

Entrecerro meus olhos, pensando: Eu sabia! Sabia que você não estava surfando!
Justin: Acabava de encontrar o corpo dela, mas já era tarde para salva-la. E sim, sei da Alice também, mas felizmente, fui capaz de salva-la.

(seu nome): Então era onde você estava naquela noite... Quando me disse que tinha ido cuidar de um vazamento de água...
Ele assente.

(seu nome): Então sobre o que mais você mentiu? -cruzando os braços no peito– E para onde foi na noite de Haloween depois da festa?
Justin: Fui pra casa, –me olhando intensamente. – Quando vi o modo como Drina te olhava, bem, pensei que o melhor seria me afastar. Só que não pude. Eu tentei. Venho tentando todo o tempo. Mas não podia. Não posso me afastar de você. E agora você sabe de tudo. Embora eu acredite que é bastante obvio o porquê eu não podia me aproximar naquele momento.


Eu me encolho e olho para o outro lado, sem estar disposta a me entregar tão facilmente, mesmo que isso seja verdade.
Justin: Ah, e minha “sala assustadora” como você chama né? -ri- Bom, apenas resulta em ser meu “lugar feliz”. Não muito diferente dessa recordação que você guarda daqueles últimos momentos no carro com sua família.
E quando me olha, eu desvio o olhar, envergonhada por ter dito isso. 

Justin: Embora eu tenho que te contar eu ri demais quando percebi que você pensava que eu era um chupador de sangue. -sorri-
(seu nome): Oh... bem.. desculpa. Quero dizer já que têm imortais andando por aí, pensei que também poderia trazer as fadas, magos, lobisomens, e... Quer dizer, Deus, fala de tudo isso como se fosse normal! OMG.
Ele fecha os olhos e suspira. E quando abre novamente 

Justin: Pra mim é normal. Está é minha vida. E gora é a sua também se quiser. Não é tão ruim quanto pensa, sério mesmo. -me olha por um longo tempo, e mesmo quando uma parte de mim quer adiá-lo por me fazer dessa maneira, simplesmente não posso-

E quando vem aquele sentimento quente me tomando e um formigamento esmagador, eu olho a mão que ele está segurando 

(seu nome): Para com isso.
Justin: Parar o quê?

(seu nome):  Pare com esse calor, formigamento, você sabe. Então pare com isso!
Minha mente dividida entre amor e ódio.
Justin: Eu não to fazendo isso.

(seu nome): Claro que você ta! Você ta fazendo com o seu... o que seja. – reviro meus olhos e cruzo os braços no peito, perguntando-me onde possivelmente vamos chegar agora-
Justin: Eu não estou fazendo isso. Eu juro. Não uso truques para te seduzir.

(seu nome): Oh, sim.. como as tulipas?
Justin: -Sorri– Você não faz nenhuma idéia do que significa, não é?
Pressiono meus lábios e olho para o outro lado.
Justin: As flores têm significados. Não há nada de casual nisso.
Respiro fundo e re-organizo a mesa com a mente, desejando poder re-organizar minha cabeça também.
Justin: Tem muita coisa que eu tenho que te ensinar. Embora nem tudo seja diversão e jogo. Precisa ter cuidado, agir com atenção. Você tem que ter cuidado para não fazer mal uso do poder. Drina é um bom exemplo disso. Você deve ser discreta... o que quer dizer que não pode compartilhar isso com ninguém, e eu quero dizer ninguém, entendeu?


Eu me encolho, pensando: “Que seja”. Sabendo que ele pode ler meus pensamentos quando ele balança a cabeça e se inclina até mim.
Justin: (seu nome), é sério, você não pode contar a nenhuma alma. Me prometa.
Eu o olho. Ele levanta uma sobrancelha, sua mão apertando a minha.

(seu nome): Palavra de escoteiro.

Ele solta minha mão e se afasta, deitando-se sobre as almofadas

Justin: Mas levando em consideração a completa revelação de tudo, você precisa saber que ainda tem uma forma de sair disso. Você ainda pode cruzar para o outro lado. Na verdade, você poderia ter morrido lá no desfiladeiro, mas preferivelmente, escolheu ficar.
(seu nome): Mas eu estava preparada para morrer, eu queria morrer.
Justin: Você se permitiu com suas memórias. Você se permitiu com amor. É como eu já te disse antes... os pensamentos criam. E no seu caso, criaram a cura e a força. Se você realmente quisesse morrer simplesmente havia se dado por vencida. Em algum nível mais profundo você deve ter conhecimento disso.


E quando eu to pensando em perguntar porque ele tava no meu quarto enquanto eu dormir ele já disse.
Justin: Não é o que você pensa.
(seu nome): Então o que era? – pergunto, sem saber se realmente quero saber a resposta.
Justin: Eu estava ali para... observar. Eu me surpreendi que você podia me ver, eu estava transformado, por assim dizer.
Eu envolvo meus braços ao redor dos joelhos e trago-os para perto do meu peito. Tudo o que ele acaba de dizer passando pela minha cabeça, mas entendo o ponto principal, o suficiente para ser devidamente assustador.
Justin: -se encolhe– (seu nome), me sinto responsável por você, eu...

(seu nome): Você queria checar a mercadoria?
Justin: -ri. –Eu posso te lembrar do seu fraco por pijamas de flanelas?

(seu nome): -reviro os olhos – Então é assim que se sente responsável por mim, como... Como um pai? -rindo enquanto ele se encolhe-
Justin: Não, não como um pai. Mas (seu nome), só estive em seu quarto uma vez, na noite em que nos vimos em St. Regis, e se houve outras vezes...
(seu nome): Drina. Está certo de que ela não pode vir aqui? –olhando ao redor-

Ele pega a minha mão e a aperta, tentando deixar-me tranquila

Justin: Ela nem sabe que esse lugar existe, pra ela você simplesmente desapareceu no ar.
(seu nome): Mas como você chegou aqui? Você morreu alguma vez, como eu?
Justin: Não. Existe dois tipos de alquimia... Física, com a que encontrei com meu pai, e Espiritual, com a que encontrei quando sinto algo mais, algo grande, algo maior que eu. Eu estudei, pratiquei e trabalhei duro para chegar aqui, ainda aprendi MT.Meditação Transcendental de Maharish Mahesh Yogi. -sorri-

(seu nome): Hun.. se você ta tentando me impressionar, num ta funcionando porque eu num tenho a mínima ideia do que isso significa.
Justin: Vamos apenas dizer que me levou centenas de anos para traduzir do mental para o físico. Mas você... Desde o momento em que passou no campo, te foi concedido uma espécie de passe para os bastidores, suas visões e a telepatia são produtos disso.

(seu nome): Deus, nenhuma surpresa você odiar a escola. –querendo mudar de assunto para algo concreto, algo que realmente posso entender– Quer dizer, você provavelmente deve ter terminado tipo, a milhões, bilhões de anos atrás, né?

E quando ele se estremece, me dou conta que sua idade é um ponto fraco, o que é algo muito engraçado, considerando que ele escolheu viver para sempre.

(seu nome): Quero dizer, por que se preocupar? Por que ainda assim você se matricula.
Justin: É pra onde você vai. – sorri.

(seu nome): Oh, então quando vê uma garoa de jeans largado e capuz, e você tem que tê-la, que decide repetir a escola só para consegui-lá?
Justin: Soa como certo. – ele sorri.

(seu nome): Você não poderia ter encontrado outro modo de entrar na minha vida? Num tem muito sentido. – balanço a cabeça e reviro os olhos, irritando-me novamente, até que ele passa seus dedos pelo lado de uma das minhas bochechas e me olha nos olhos-
Justin: O amor nunca tem.

Eu engulo fazendo força, sentindo-me tímida, eufórica e insegura, tudo de uma vez. Então eu limpo minha garganta 

(seu nome): Eu pensei que você tinha digo que era ruim no amor.
entrecerro meus olhos com os seus, meu estômago um frio e amargo nó, perguntando-me por que não posso apenas ser feliz quando o garoto mais lindo do planeta me confessa seu amor. Por que insisto em ser negativa?
Justin: Espero que dessa vez seja diferente.
Eu me viro, respirando com dificuldade enquanto 

(seu nome): Não seu se estou preparada para tudo isso. Não sei o que fazer.
Ele me aperta contra seu peito, seus braços ao meu redor.
Justin: Não há pressa para decidir. –e quando me viro ele tem aquele mesmo olhar distante.
(seu nome): Qual é o problema? Por que me olha assim?
Justin: Porque não sou bom em despedidas, –tentando demonstrar um sorriso que não passa dos seus lábios– Agora vê, já são duas coisas com o qual eu sou ruim... O amor e as despedidas.
(seu nome): Talvez estejam conectados. -tentando não chorar– Então, pra onde você vai? -tento fazer minha voz soar calma e neutra, mesmo quando meu coração pára e minha respiração se negando a sair, me sentindo com se eu estivesse morrendo por dentro-
Ele dá de ombros e olha pra longe.
(seu nome): Você vai voltar?
Justin: Depende de você...

(seu nome)..você me odeia?
Eu balanço negativamente a cabeça, mas mantenho seu olhar.
Justin: Você me ama?


Viro a cabeça e olho para o outro lado. Sabendo que sim, sabendo que o amo com cada fio de cabelo, cada célula do meu corpo, cada gota do meu sangue, que estou explodindo desse amor, fervendo, mas apenas não posso disser isso a ele. Mas novamente, se r
ealmente ele puder ler minha mente, não tenho por que dizer. Ele deveria saber disso.


Justin: Sempre é melhor escutar ! – disse, colocando meu cabelo atrás da orelha e pressionando seus lábios em minha bochecha. – Quando você se decidir, sobre mim, sobre ser imortal, apenas diga e eu estarei aqui. Tenho toda a eternidade pela frente; você vai perceber que posso ser bastante paciente. – sorri, então coloca a mão em seu bolso retirando o cavalo de prata cravado de cristais que me comprou nas corridas. Aquele que eu tinha devolvido quando eu o joguei naquele dia no estacionamento. – Posso? 


Assento, minha garganta muito seca para falar enquanto ele fecha a pulseira, então pega meu rosto entre suas mãos. Colocando minha franja para o lado e beijando minha cicatriz, enchendo-me de todo o amor e perdão que sei que não mereço. Mas quando tento afastarme, ele me pega ainda mais forte 

Justin: Você tem que se perdoar, (seu nome). Não é responsável por nada disso.
(seu nome): O que você sabe? –mordo meu lábio-
Justin: Eu sei que você se culpa por algo que não é sua culpa. Eu sei que você ama a sua irmã com todo o coração e você se pergunta todos os dias se esta fazendo o certo ao aceitar suas visitas. Eu te conheço. Sei tudo sobre você.


Eu me viro, meu rosto molhado pelas lágrimas que não quero que ele veja. 

(seu nome): Nada disso é verdade. Você entendeu tudo errado, eu sou uma aberração e coisas ruins acontecem com todos que ficam perto de mim, mesmo quando sou a única que mereça isso. – eu balanço a cabeça, sabendo que não mereço ser feliz, não mereço este amor.
Ele me abraça, seu toque calmo e tranquilizador, mas incapaz de apagar a verdade. 

Justin: Tenho que ir. Mas, (seu nome) se quiser me amar, se realmente quiser estar comigo, então você terá que aceita o que somos. Entenderei se não puder.
Então eu o beijo, pressionando-me contra ele, precisando do contato de seus lábios sobre os meus, deixando-me encher de um maravilhoso, caloroso brilho de seu amor, aumentando, inchando-se e expandindo-se até que cobre cada espaço, cada brecha, cada canto.


(...)
E quando abro meus olhos e me afasto, estou novamente em meu quarto, sozinha.

Continua com 10 comentários !



ooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooi gente.  e ai tudo bem com vocês? Eu to bem obrigado. aaaaaaaaaaaa amanhã eu aço 16 aninhos. hihi to ficando velha cara.

Respondendo:
Van-Slip on: aaanw brigada sua Linda *O* eu tenho 15 anos e você? -faço 16 amanhã hihi- Intaum, é porque lá você num pode levar celular, nem nada, num pode conversar com ninguém que não esteja lá.. é bem foda. ' rs
Bruna: Pior que ele tem umas marquinhas roxas mesmo véi. haha Eu tinha esses mil reais porque a minha vó me deu, porque tipo assim ela deu um cavalo pro meu irmão então.. ela tinha que dar alguma coisa pra mim também. rs . É.. minha mãe e meu pai também são assim, eles falam que eu sou obcecada demais por ele, e falam que eu nunca vo vê ele.. Aff ¬¬ mais eu continuo acreditando. haha brigada amr, eeu gosto demais de você sério mesmo sz. Twitter (aqui) -mais eu quase não entro é mais pra ver dar RT nos do Justin, tipo ta suuuuuuuuper desatualizado.- Facebook (aqui) -eu fico praticamente 24 horas online fi. haha me add ai Brúuh. Música^? Putz cara teeeeem taaaantas que nooss.. do Justin acho que That Should Be Me.. cara essa música marco demais pra mim, agora eu também gosto de mais da conta de Avril Lavigne e Nx Zero, Three Days Grace.. haha e você ? Quais seus cantores favoritos?
JB Manias: Annabelle -aaaamei esse apelido- Olha.. eu só te falo 'Stay Strong'. Tipo eu também já me cortei uma vez e sei o quanto isso é ruim.. mais é que no momento agente se  sente fraco demais não sei... mais amr, tenta o máximo que puder não fazer isso mais vezes eu sei como é, mais agente consegue, tenha foorça ;* Claaaro indica pra quem puder, quanto mais leitoras melhor. haha, Vlw. 

Beeeeeijos !

11 comentários:

  1. Vei,esse capitulo foi perfeito,maravilhoso,estupendo (Alguém ainda fala,essa palavra ? ) ...enfim,o que eu quero dizer é que eu adorei .
    Por que ela tem tanto medo,de se entregar,a felicidade ao amor ??Com,alguém como o Justin,apaixonado por mim,eu esquecia todos os idiotas que me julgam e ia ser feliz com ele .
    Continua Beijos ;)

    ResponderExcluir
  2. *OOOOOO*
    Ta muuuito perfeito
    gente eu to viciada nessa #IB
    Eu tenho 11 anos X) so novinha
    hsuhaushaushua
    Parabéns(se vc nom posta amanhã né)
    Tudo de bom pra ti
    espero q tu realize todos os seus sonhos
    Bjão

    ResponderExcluir
  3. Caraca! ta muuuuito legal a sua IB !
    To amando gata
    continua q to curiosa hehehe
    parabéns adiantado gata
    beijoos xoxo

    ResponderExcluir
  4. ooooooooooooooooooooi, tipo amanhã é o niver dela e eu vou vim comentar e falar parabéns no dia pra essa diva aê, sabia que ele tinha marca roxa u_u coitado. Tendi dos mil reais, que legal véi, adoro cavalos *-*. Heey depois de comnetar ja vou para suas redes sociais, me aceite ok? Tipo, eu sou viciada demais em twitter, mais to passando mais tempo no face, amo dar RT nos tweets do Jus. É, meus pais também falam a mesma coisa, mais mesmo assim eu acredito que eu vou conhecer ele um dia. Música? Amo katy perry, a avril, beyonce, amo amo rihanna amo amo amo a demi , gsto de nickelback (não sei se escreve assim) carly ray jepsen, e curto skank um pouco nx zero strike e pá, tu ja ouviu fluxo perfeito do strike? Se não ouve que é muito legal ^_^e nem lembro mais, enfim eu ouço de tudo um pouco, menos funk '-' amei o cap, cara é muito bipolar essa eu ai u_u, mais ok, é normal. Justin super fofo, ain amei tudo *-* continua (: Beeeeeeeeeijos.

    ResponderExcluir
  5. ooooooooooooooooooooomg , eu amei de paixão . ta muito divo , Acho que a drina tem que levar uma surra susim u.ú
    Então diva , eu sei que e pedir dms mais , sabado e meu aniversario , dedica um capitulo pra miiiim ? pliiis ><
    amo dms sua web *----*


    By: Maria Eduarda L.

    ResponderExcluir
  6. ow amor amei seu blog,sou nova aki, e faz um favorzinho pra mim, divulga e segue meu blog pfvr:
    swagswagswagonyoujerry.blogspot.com
    OBG e continua

    ResponderExcluir
  7. Awn diva obrigada pelo apoio e pelo 'Stay Strong' mas eu sempre carreguei 3 palavras comigo desde pequena: "Foco,Força e Fé" foco pra eu não desviar do meu caminho e objetivo,força pra enfrentar tudo o que vem por ai,e fé pra acreditar nos meus sonhos e que eu vou superar isso.E continua ta ótimo mesmo beijos com baunilha :*

    ResponderExcluir
  8. Hey linda,eu sou amiga da Anabelle,olha eu sei que ela vai me matar por isso,mas não estou nem ai u.u',faz um favor pra mim?Dedica um capitulo pra ela por favor?É que tipo 28/07 foi o aniversario,e tipo ela passou o aniversario dela na reabilitação,então imagina,eu queria muito que você fizesse isso por ela por favor,ela é minha melhor amiga,eu admiro muito ela,porque ela venceu muita coisa nessa vida e levantou novamente,ela perdeu quem mais amava,tem anorexia e bulima desde os 5 anos,se corta desde os 8 anos de idade,sofreu bulling desde pequena,agressão fisica também,vocês podem achar loucura,mas ela passou por tudo isso,e ainda se levantou com dificuldade mas conseguiu se levantar.Eu admiro muito ela,ela é mais do que uma bf minha,é uma guerreira é uma princesa pra mim :),tipo faz um capitulo tipo bônus pra ela por favor?Ela não para de falar desse blog e de um monte que ela lê u.u',por favor faz isso pra ela,e reza por ela,porque eu não quero NUNCA perder ela :'(,
    By: @MesninaRockeira

    ResponderExcluir
  9. hey, oi, to totalmente envergonhada, porque eu falei que viria quinta te dar os parabéns e não vim, mais eu tenho um motivo, eu tava muito muito muito mal. Eu estava e ainda estou passando mal, eu estava muito mal do estômago, ele embrulhava e as vezes parecia que tinha uma pressão forte lá dentro, e eu fiquei mal mesmo, desde segunda-feira, mas na quinta, foi o pior dia, eu passei mal e dormi a tarde inteira, nada melhorava, me desculpa. Eu estou com V.E.R.G.O.N.H.A, porque você toda meiga e fofa no dia do meu aniversário, veio e dedicou um capítulo pra mim, me deu parabéns, e eu, não. Mas, antes tarde do que nunca.
    Parabéns meu anjo, tudo de bom, que todos os seus sonhos se realizem, que você continue sendo essa garota maravilhosa que você é e que você nunca mude por ninguém, que você tenha muitos anos de vida, muita saúde, paz, amor, e tudo mais que você merece, saiba que você é muito especial na minha vida, que eu te amo muito, te considero muito, então, sinta-se abraçada e beijada por mim, parabéns. E mais uma vez, desculpa mesmo por não ter vindo :/.
    PARABÉNS PRA VOCÊ, NESSA DATA QUERIDA, MUITAS FELICIDADES, MUITOS ANOS DE VIDA! VIVA! UHUL! ( eu tinha que escrever, leia em forma de música *u*) Beijos.

    ResponderExcluir

Comente e dê sua opinião isso é muito importante pra mim!